>

i2 BY Inteligência Empresarial

Assessoria e Consultoria Empresarial em Meio Ambiente e Gestão

Metodologias Quantitativas AIA, Metodologias Quantitativas. Os métodos quantitativos trabalham com a associação de números e valores para as considerações avaliadas qualitativamente, sendo formulados no período de avaliação de impacto ambiental de um determinado projeto. A princípio, o desenvolvimento desta técnica partiu da necessidade de avaliar os impactos causados por empreendimentos que envolvem a utilização de recursos hídricos em suas atividades, a fim de promover uma abordagem sistemática, holística e hierarquizada do meio ambiente.

De forma geral este método utiliza indicadores de qualidade ambiental expressos por gráficos que relacionam o estado de determinados compartimentos ou segmentos ambientais a seu respectivo estado de qualidade que varia de 0 a 1.

Os indicadores são denominados como parâmetros, agrupados primeiramente em 18 componentes e posteriormente reagrupados em 4 categorias ambientais que
são: aspectos estéticos, ecologia, interesse humano e poluição ambiental, oferecendo 78 gráficos de qualidade ambiental a eles relacionados. Utiliza ainda um peso relativo para cada fator, comparando-os sob um julgamento subjetivo.

Para cada um dos 78 parâmetros ambientais é atribuído um peso relativo que é expresso em Unidades de Impacto Ambiental (UIAs), totalizando 1000 UIAs, sendo que em um projeto em que se obteve o valor de 1000 UIAs não houve nenhuma degradação ao meio ambiente.

Além de ser um método rápido para análises de impacto, esse é também favorável ao suprimento dos analistas com boas informações para caracterizar uma determinada situação ambiental e prever impactos, além de adequado para análises preliminares e na comparação entre as alternativas de um mesmo projeto.

O estudo de metodologias de Avaliações de Impacto Ambiental permite maior conhecimento e melhor entendimento das funções, utilidades e aplicações de cada um dos diferentes métodos disponíveis, tal como dos aspectos negativos relacionadas à subjetividade de cada um deles. As informações técnicas destes métodos podem auxiliar profissionais da área de avaliação de impacto ambiental na escolha ou na fusão das melhores metodologias a serem aplicadas, visando que sejam compatíveis
com a natureza do empreendimento ou fator causador de alterações ambientais que se deseja estudar.

Conhecendo-se tais metodologias é possível obter uma avaliação mais precisa e confiável dos impactos gerados, mitigando aqueles que forem negativos ao meio ambiente.